Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Brushettas de alheira

por raio-de-luar, em 25.08.15

Adoro alheira. Gosto de ter no congelador, pois depressa se faz um jantar num daqueles dias em que nada ficou pensado ou planeado. Desta vez tinha apenas uma. Pensei em omelete de alheira, para acompanhar um creme de legumes, mas depois lembrei-me que há imenso tempo não comia uma brushetta, e o que eu adoro. Depois de uma sopa quente, é mesmo reconfortante. Prepara-se num instante, sabe bem, e de vez em quando um jantar destes sabe pela vida. E assim saíram estas brushettas de alheira.

 

P8210001.JPG

 

Ingredientes:

  • 1 alheira
  • 3 dentes de alho
  • 5 a 6 fatias de pão d'avó (ou pão tipo Mafra ou perfeição com pão alentejano)
  • rodelas de tomate q.b.
  • triângulos de queijo tipo Vaca que Ri (em vez de mozzarella)
  • azeite
  • óregãos

 

Preparação:

Aquecer o grelhador de chapa. Dourar levemente as fatias de pão. Ainda quentes, esfregar com os dentes de alho, colocar num tabuleiro, forrado com papel vegetal, e regar com um fio de azeite. Entretanto, grelhar a alheira, retirar a pele e desfazer com um garfo. Em cima das taias de pão dispor rodelas de tomate, alheira, cobrir com os triângulos de queijo cortados em tiras. Polvilhar com óregãos, regar com um fio de azeite e levar a gratinar ao forno, previamente aquecido.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Trouxas de alheira com espinafres e maçã

por raio-de-luar, em 08.05.15

P5020005.JPG

P5020006.JPG

 Por vezes é bom lembrar-me de vir aqui, ao meu próprio blog, recuperar ideias de receitas. Pois que esta receita foi a escolhida para uma espécie de reedição. Em equipa vencedora não se mexe, ainda assim fiz alguns detalhes de forma diferente, e a verdade é que fez a diferença para melhor.

Os ingredientes não mudaram. 

  • 1 base de massa quebrada
  • 1 alheira
  • 2 maçãs
  • espinafres frescos a gosto
  • 2 dentes de alho
  • sumo de um limão
  • sal e azeite q.b.
  • 1 ovo

Levar um tacho de água ao lume a ferver. Temperar com sal e escaldar as folhas de espinafre. Escorrer bem e reservar.

Retirar a pele à alheira. Cortar as maçãs em cubinhos, sem descascar, e regar com sumo de limão. No wok aquecer um fio de azeite com os dentes de alho picados. Saltear a alheira, desfazendo-a suavemente com um garfo. Juntar os cubos de maçã, juntamente com o sumo de limão que houver na taça, e envolver bem na alheira. Por fim, misturar os espinafres, de forma a que os ingredientes se liguem.

Cortar a base da massa quebrada ao meio. No centro colocar colheres com o preparado anterior. Dobrar as pontas da massa, como se fizesse uma trouxa. Bater um ovo e pincelar as trouxas. Levar a forno quente a 200º, entre 15 a 20 minutos, até a massa estar douradinha.

 

Um excelente remake, que soube muito bem lembrar e apreciar.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Arroz de alheira e brócolos

por raio-de-luar, em 11.02.14
 
 
Tem dias em que não se tem a mínima ideia do que cozinhar para o jantar. E então passa em revista as publicações dos blogues de culinária que segue e faz-se luz. Tem dias.
Ultimamente acho que a maioria dos blogues de culinária que sigo estão cada vez mais voltados para uma cozinha elaborada, complicada, com ingredientes que lhes chegam a casa por cabaz e que o comum dos mortais ainda não tem acesso; as fotos artísticas, de suster a respiração, tanto abrem o apetite, como tiram a coragem a uma leiga que só pretende uma sugestão simples, rápida e saborosa para jantar ao fim de um dia de trabalho.
Adiante. Esta receita da minha querida Belita (saudades) foi uma lufada de ar fresco num desses dias em que suspirava por um milagre para o jantar. Alterei um bocadinho, mas pouco. A minha versão:
 
 
Ingredientes:
  • 1 alho francês

  • 1 cebola picada

  • azeite q.b.

  • 1/2 pimento vermelho em cubos

  • 1 cubo de caldo de galinha

  • 1 alheira de caça

  • 1 chávena de arroz (uso vaporizado)

  • 1 mão-cheia de brócolos congelados

  • 2 colheres de sopa de ketchup

  • Água a ferver

  • Sal q.b 

 
 
Preparar o caldo de galinha: ferver água com o cubo de caldo.
Alourar a cebola num fio de azeite.
Juntar o alho francês e deixar alourar. Juntar o pimento, a alheira sem pele e partida em pedaços, envolver tudo. Juntar o arroz, o ketchup, envolver tudo e deixar fritar um pouco. Regar com o caldo de galinha (o triplo da quantidade de arroz). Quando ferver, juntar os brócolos, retificar temperos, sal se necessário, e deixar cozinhar, mexendo regularmente para não colar. Se necessário juntar mais caldo de galinha, uma vez que a ideia é o arroz ficar cozido mas ainda com caldo.
 
Simples, rápido, muito saboroso e muito reconfortante para este inverno frio e chuvoso que estamos a ter.
 
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Embrulho de alheira, maçã e espinafres

por raio-de-luar, em 28.12.13
 
Ingredientes:
  • 1 base de massa quebrada
  • 1 alheira
  • 2 maçãs
  • espinafres frescos a gosto
  • 2 dentes de alho
  • sal, pimenta e azeite q.b.

Retirar a pele à alheira. Cortar as maçãs em cubinhos, sem descascar. No wook aquecer um fio de azeite com os dentes de alho picados. Saltear os espinafres. Quando estiverem murchos, juntar a alheira desfeita e os cubos de maçã. Temperar com umas pedras de sal e uma pitada de pimenta branca. Envolver bem e deixar cozinhar alguns minutos. Colocar este preparado no centro da base de massa quebrada, dobrar as pontas da massa como se fizesse um embrulho. Pincelar com ovo batido ou leite e levar a forno quente a 200º até estar douradinho.

 

Uma delícia! 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 

 

Ingredientes:

  • resto de frango estufado (eu tinha dois pedaços) limpo de peles e ossos
  • molho do frango estufado (o meu era o de sopa de cebola com cerveja) 
  • 1 alheira de aves
  • 1 chávena e meia de arroz
  • um bom punhado de espinafres frescos cortados em juliana

Usei a púcara de barro para fazer este arroz.

Passar o molho do estufado original por um passador de rede de modo a ficar limpinho e liso. Aquecer o molho. Juntar o arroz, a alheira sem pele partida em pedaços. Juntar água quente, um pouco a olho e dependendo da quantidade de molho que inicialmente têm. Quando o arroz estiver al dente, juntar o frango desfiado, limpo de peles e ossos, e as folhas de espinafres cortadas em juliana. Envolver, deixar o arroz acabar de cozer, juntar mais água se necessário, para ficar o arroz malandrinho.

 

E assim nasceu um arroz de frango com sobras de frango estufado com sopa de cebola e cerveja. Aproveitou-se tudo: o frango e o molho. Como era pouco frango, acrescentei a alheira. Ficou uma delícia.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bacalhau com alheira e espinafres

por raio-de-luar, em 23.08.13
 
Ingredientes:
  • 1 embalagem de 400 gr de migas de bacalhau demolhadas
  • um molho de espinafres frescos
  • 1 alheira de aves/caça
  • 2 pães d'avó 
  • 5 dentes de alho
  • azeite
  • Sal q.b.

Cozer o bacalhau. Reservar.

Numa frigideira saltear os espinafres em azeite, um dente de alho picado e umas pedras de sal.

Na picadora picar bem o pão juntamente com os restantes dentes de alho.

Num tabuleiro de ir ao forno espalhar no fundo a alheira sem pele e cortada em rodelas. Por cima da alheira espalhar  bacalhau, depois os espinafres. Cobrir tudo com a broa. Regar com um fio de azeite. Levar ao forno pré-aquecido a 180º durante 20 minutos.

 

A mistura alheira/bacalhau pode parecer estranha. Mas quando vi a receita fiquei logo com ideia de experimentar. E fiz bem. Ficou muito bom.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 
 
Ingredientes:
 
  • 1 chávena de arroz para risotto
  • 1 cebola
  • 3 dentes alho
  • 1 alheira de aves
  • 150g de espinafres em folhas
  • 2 a 3 cenouras em cubinhos
  • azeite q.b.
  • sal 
  • malagueta piripíri
  • 1 cubo de caldo de carne
  • 1 colher de sopa de salsa
  • 2dl vinho branco
  • 1 laranja (sumo)
 
Preparação:

Preparar o caldo: levar uma panela ao lume com àgua, a alheira, um cubo de caldo de carne e salsa. Deixar ferver e depois manter quente. Tirar a pele da alheira e reservar.
Picar a cebola e os alhos bem picadinhos e refogar no azeite, até começarem a ficar moles. Adicionar os cubinhos de cenoura e o arroz e deixar fritar um pouco. Refrescar com o vinho branco e deixar evaporar. Vai-se juntando conchas de caldo, aos poucos e mexendo sempre o arroz. Quando se tiver evaporado o caldo, juntar mais e assim sucessivamente. Quando o arroz estiver cozido,  mas ainda "al dente", juntar os espinafres e a alheira.
Regar com sumo da laranja e envolver bem no arroz. 
Servir ainda malandrinho.
 
 
 
 
Nota: esta receita já tem algum tempo, tanto é que as fotos foram tiradas com o telemóvel por ter a máquina fotográfica estragada e ainda não ter a nova. Ainda assim lembro-me bem de como adorei este risotto e o sumo de laranja no final deu-lhe um toque especial.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Frango no forno com alheira

por raio-de-luar, em 25.06.13
Há receitas tão simples e tão deliciosas que é burrice mexer ou alterar.

 



 

Ingredientes:



  • perninhas ou coxas de frango

  • 1 alheira

  • Sal 

  • 1 malagueta piripíri

  • 1 folha de louro

  • 100ml de vinho branco


 

Temperar as perninhas de frango com sal e pimenta e colocá-lass numa assadeira. Cortar a alheira em rodelas grossas e juntar às perninhas de frango espalhadas pela assadeira. Juntar a folha de louro em pedaços e regar com o vinho branco.

Tapar com papel de alumínio e levar a assar em forno previamente aquecido a 180ºC durante cerca de 35 a 40 minutos. Ao fim desse tempo retirar o papel e deixar alourar mais alguns minutos.


 

Acompanhei com uma salada verde e arroz branco.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Embrulho de alheira com alho francês e cenoura

por raio-de-luar, em 17.05.13

 

 

 

Ingredientes:

  • 1 alheira de caça
  • 1 base de massa quebrada
  • 2 talos de alho francês (parte verde)
  • 1 cenoura grande 
  • azeite
  • 2 dentes de alho laminados
  • chili seco (ou pimenta)
  • sal

Cortar o alho francês em rodelas finas. Ralar a cenoura.

Numa frigideira aquecer o azeite com os dentes de alho. Colocar os legumes deixando cozinhar cerca de 10 minutos. Retirar a pele à alheira e desfaze-la com um garfo. Juntar aos legumes, envolver bem, temperar com sal e pimenta.

Abrir a base de massa quebrada, distribuir o recheio da alheira com legumes na parte central. Fechar como se fosse um embrulho. Pincelar com ovo batido, levar a forno quente a 180º.

 

Um manjar dos deuses. Como eu adoro estes embrulhos de massa quebrada. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

No meu Reader criei uma pasta só para os blogs de culinária. Todos os dias é a primeira pasta que vou ver as atualizações. 

Passo os olhos, e muito instintivamente selecciono as receitas. Algumas sinalizo para mais tarde experimentar, outras passo à frente, e há as mistas, aquelas em que não sinalizo para depois seguir "à letra" a receita, mas fico com aquela ideia na cabeça, daquelas ideias tão simples mas que não nos tínhamos lembrado, algo assim.

Uma dessas ideias que me ficou na cabeça foi cogumelos recheados com alheira e espinafres. Ora três ingredientes que eu adoro conjugados num só prato. E simples de fazer. Perfeito.

Ficou a ideia a marinar. Eis que andava nas compras do Lidl e vejo lá uns cogumelos grandes, lindos, carnudos... e em promoção. Fez-se o click e resolvi logo qual ia ser o jantar. Cogumelos Portobello recheados. Em casa estavam as alheiras, os espinafres já estavam no carrinho...

Os meus cogumelos recheados ficaram assim:

 

 

Ingredientes:

  • 6 cogumelos grandes portobello
  • 2 alheiras
  • espinafres qb
  • 1/2 cebola picada
  • 3 dentes de alho picados
  • azeite
  • sal e pimenta qb
  • queijo mozarella fresco (tinha um quase a acabar a validade e gastei-o em vez de usar o ralado)

 

Com muito cuidado e delicadeza, retirar com a ajuda de uma colher pequena, o interior dos cogumelos deixando a cabeça inteira para levar o recheio. Colocar os cogumelos com a abertura voltada para baixo num tabuleiro e levar ao forno durante alguns minutos, enquanto se prepara o recheio.

Para o recheio: alourar a cebola e os dentes de alho picados num pouco de azeite. Usei o wok, mas pode ser feito numa frigideira. Adicionar as alheiras desfeitas com um garfo e envolver bem. Juntar os espinafres e envolver na alheira de modo a criar uma pasta cremosa. Temperar com m pouco de sal e pimenta.

Rechear os cogumelos com o preparado de alheiras, cobrir com uma fatia de queijo mozzarella fresco e levar a gratinar no forno.

 

Pode servir-se como entrada, mas como os cogumelos que usei eram grandes, servi mesmo como refeição principal e foi uma delícia.

 

Como sobrou ainda recheio, aproveitei para, no dia seguinte, cozer massa, optei por penne, e envolver no preparado de alheira e espinafres. 

Ficou uma delícia, como se pode imaginar pelo aspeto: 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim


Calendário

Janeiro 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31



Livro de Receitas

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D