Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Puré de maçã cozida

por raio-de-luar, em 26.10.15

 

PA250024.JPG

 

Ingredientes:

  • 1,5 kg de maçãs
  • sumo de 1 laranja
  • canela a gosto
  • 50 ml de água

 

Preparação:

Descaroçar as maçãs, sem as descascar, e colocar, juntamente com os restantes ingredientes, no copo da Yämmi, programar velocidade 1, temperatura 100º, 60 minutos.

Terminado o tempo, dar três toques de turbo para ficar um puré mais cremoso.

Também ja o fiz no tacho, mas é necessário manter a atenção para não queimar nem pegar ao tacho, mexendo regularmente. Vantagem da Yämmi. Enquanto fez o puré eu andei a arrumar e limpar a cozinha, despreocupada.

Ótimo para sobremesa, para lanches ou pequenos almoços, acompanhado de granola e/ou iogurte (natural ou rego), este puré de maçã é uma delícia. 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Doce de ameixa

por raio-de-luar, em 20.07.15

Nunca tinha experimentado doce de ameixa, nem a comer nem a fazer. Tinha umas ameixas na fruteira a amadurecer demasiado rápido, e dada a quantidade de ameixas que eram, pensei que ainda ia tudo parar ao lixo. A Ângela desafiou-me a fazer doce de ameixa, que ela própria tinha feito também para aproveitar umas. E assim foi. Num dia à noite, enquanto arrumava a cozinha, doce de ameixa a fazer na Yämmi. Maravilhoso!!! Ficou uma delícia que agora torna os meus pequenos almoços ou lanches ainda mais saborosos.

 

P7110003.JPG

 

P7110004.JPG

  Ingredientes:

  • 1 kg de ameixas vermelhas sem caroço
  • 500 gr de açúcar amarelo
  • 1 limão: sumo e raspa
  • 1 cálice de Vinho do Porto

 

Preparação:

Colocar as ameixas no copo, sem caroço. Não é necessário descascar. Programar 20 minutos, velocidade 1, temperatura ST. Terminado o tempo, juntar o sumo e a raspa de limão, o açúcar e o cálice de Vinho do Porto. Programar 15 minutos, velocidade 3, temperatura ST. Aconselho a tirar o copo medidor da tampa, para o vapor sair e não salpicar tudo à volta.

 

Com pão, com tostas, com queijo fresco,  iogurte grego ou queijo quark, este doce está uma tentação à gula. Na foto, banana polvilhada de canela, queijo fresco fatiado com doce de ameixa. Uma delícia!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tarte A Maçã de Eva

por raio-de-luar, em 30.09.14

 

 



 

 



 

 


Numa palavra: maravilhosa!! {#emotions_dlg.drool}

 


Autoria e outros dados (tags, etc)

O meu primeiro arroz doce

por raio-de-luar, em 22.08.14

Nunca apreciei arroz doce. Provavelmente porque nunca comi nenhum que dissesse: hum, maravilhoso. As minhas avós eram mais de aletria. A minha mãe fazia um arroz doce que ficava sempre duro, sem graça nenhuma. 

E um dia bateu-me assim uma vontade terrível de comer arroz doce. Mas do tal cremoso, com fama de pequena maravilha gastronómica. Googlei receitas de arroz doce e comecei a ficar baralhada. Eu queria arroz doce, simples, tradicional, e o que via eram versões com leite condensado, com pudim, com farinha custard, com claras em castelo para ficar merengado, com aroma a baunilha... e arroz doce, daquele do tempo da avó, não há?! E eis que me deparo com esta receita, acompanhada de uma deliciosa reflexão sobre as modernices que alteram as nossas receitas tradicionais, herdadas das cozinhas das avós. Na mouche!! Estava decidida a receita que iria ser o meu primeiro arroz doce.

E não é que acertei mesmo?!

 

 
 
 
 
 
 
 
 
Ingredientes:
  • 1 chávena de arroz para risotto
  • 3 chávenas de água
  • 1 pitada de sal
  • 5 chávenas de leite magro
  • 3 casquinhas de limão
  • 2 colheres e meia de frutose (em vez de açúcar)
  • 2 gemas
  • canela para polvilhar

Os passos da confecção segui tal e qual a receita original.

Não é difícil, mas leva o seu tempo. É preciso alguma paciência, mas compensa o resultado final. 

Descobri o meu arroz doce. Não largo mais!

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bolos de arroz

por raio-de-luar, em 27.04.14
 
 
 
 
Ingredientes:
  • 75 gr de frutose (ou 150 gr de açúcar)
  • 100 gr de manteiga (usei creme vegetal)
  • 3 ovos
  • 3 colheres de sopa de leite
  • raspa de um limão
  • 90 gr de farinha de trigo para bolos
  • 110 gr de farinha de arroz
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • açúcar em pó para polvilhar

 

Bater a manteiga com o açúcar até obter um creme homógeno. Juntar os ovos, o leite e a raspa de limão e misturar bem. Adicionar as farinhas e o fermento e envolver bem até estar a massa bem ligada.

Colocar em forminhas para muffins (usei as de silicone) e levar urante 30 minutos a forno quente a 180º. Polvilhar com açúcar em pó.

 

Uma delícia para acompanhar com chá!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Queques de banana

por raio-de-luar, em 23.02.14

 

 

 

Inspiração aqui

 

Ingredientes:

  • 3 bananas maduras 
  • 1 chávena de farinha
  • 1 chávena de flocos de aveia
  • 1/2 chávena de açúcar amareo
  • 1 colher de sobremesa de fermento em pó
  • 1 ovo
  • 1 chávena de leite
  • 1/4 chávena de óleo
  • canela a gosto
Numa taça colocar a farinha, o açúcar e o fermento em pó. Reservar. No liquidificador triturar e misturar as bananas, os flocos de aveia, o ovo, o leite e o óleo. Envolver este preparado nos ingredientes secos, previamente reservados. Polvilhar com canela em pó a gosto, envolver bem ligando todos os ingredientes.
Ligar o forno a 200º, colocar a massa em forminhas de queques e levar ao forno cerca de 20 minutos.
 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

[Receita adaptada da Continente Magazine de Maio 2013]

 

 

Ingredientes

- 400ml de natas

- 100g de chocolate branco

- 1 vagem de baunilha

- 2 folhas de gelatina

- 150g de frutos silvestres (usei congelados)

- sumo de 1/2 limão

- 2 c. sopa açucar

 

Preparação

Levar ao lume as natas com a vagem de baunilha partida a meio; assim que levantar frevura, desligue o lume e tape deixando em infusão alguns minutos (20 a 30 minutinhos será o ideal)... Entretanto demolhe as folhas de gelatina num pouco de água e parta o chocolate aos pedacinhos.Volte a levar as natas ao lume, junte o chocolate e a gelatina previamente escorrida e mexa sempre até dissolver tudo.

Disponha depois o preparado em tacinhas e leve ao frigorifico algumas horas para solidificar.

 

Para o molho, coloque num tachinho os futos silvestres, o açucar e algumas gotas de sumo de limão e leve ao lume. Eu preferi deixar reduzir apenas um pouquinho e manter os futos inteiros, no entanto pode triturar tudo. Rectifique os sabores e depois de arrefecido, sirva com as panna cotas.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


editado por raio-de-luar a 12/9/15 às 12:28

Bolo de pêssego

por raio-de-luar, em 17.02.14

 


 

Esta foi uma daquelas receitas que bato os olhos e fico a salivar. Não espero muito para pôr em prática, e a manhã de domingo foi a oportunidade para trazer à realidade este bolo que me pareceu divinal. Com algumas (ligeiras) alterações, o resultado é mesmo de babar.

 

 

Ingredientes:



  • 4 Ovos  

  • 1 Chávenas de frutose

  • 6 metades de pêssego de lata e uma chávena de calda 

  • 2 Chávenas de farinha

  • 1 chávena de óleo 

  • metades de pêssego q.b.


Ligar o forno a 180º. Bater os ovos com a frutose. Juntar a farinha e o óleo, bater tudo. Triturar os pêssegos com a calda até obter um puré uniforme. Juntar esta polpa de pêssego à massa e bater novamente. Untar uma forma com margarina e polvilhar com farinha. Colocar metades de pêssego na forma (usei a de bolo inglês, deu para colocar 4 metades), verter a massa e levar ao forno a 180º até o bolo estar cozido (teste do palito). O bolo fica bem húmido, com uma consistência semelhante à de um pudim. 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bolo de iogurte de morango

por raio-de-luar, em 27.01.14

Apetecia-me um bolo. Bolo de iogurte. Ainda tinha um iogurte de aroma de morango no frigorífico e não pensei duas vezes.

Manhã chuvosa e fria de domingo, esta receita tão sugestiva, e sai bolo de iogurte de morango.

 

 

Ingredientes:

  • 1 iogurte de aroma de morango
  • 2 copos de iogurte de açúcar
  • 3 copos de iogurte de farinha
  • 1 copo de iogurte de óleo
  • 4 ovos
  • 1 colhr de chá de fermento em pó

Bater todos os ingredientes até obter uma massa homógena. Untar uma forma com manteiga, polvilhar com farinha. Levar o bolo a forno quente a 180º até estar cozido (fazer o teste do palito).

 

Há lá bolinho mais fácil de fazer para um domingo preguiçoso de frio e chuva? E agora vai mais uma fatia com uma chávena de chá a fumegar.

 

 

 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

 
 
 
Ingredientes:
  • 200 gr de coco ralado
  • 200 gr de açúcar
  • 3 gemas de ovos
  • 1 cálice de vinho do porto
  • sumo de 1 laranja (na receita original é raspa, eu optei pelo sumo)

Misturar o coco ralado, o açúcar e as gemas e mexer bem. Juntar o cálice de vinho do Porto e o sumo de laranja e envolver. Colocar em forminhas de papel e levar durante 15 minutos a forno quente a 180º.

 

Uma delícia!!! Para fugir um bocadinho aos tradicionais fritos de Natal, estes coquinhos, mal vi a receita, vão fazer um brilharete enquanto se toma um café, um chá ou mesmo um licor. Aprovados! (sim, tive de os provar antes da Ceia de logo; chamado teste de qualidade)

 

 

Nota: dupliquei a receita. Assim, levo coquinhos para a consoada de Natal, que será em casa da sogra (convite de última hora, quase) e ainda coloco alguns junto com os biscoitos e compotas que vou oferecer a outros familiares.
 
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim


Top blogs de receitas

Calendário

Janeiro 2016

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31



Livro de Receitas

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D