Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Costeletas grelhadas

por raio-de-luar, em 30.09.12

Por diversas vezes vi o meu guru da cozinha, Jamie Oliver, grelhar a carne simples e só depois é que a temperar, explicando ele que a carne grelhada ao natural retém os seus sucos naturais e ao sair da grelha deve ser então selada com os temperos.

Ora, palavra de guru é palavra divina, e aqui a menina tem feito algumas experiências. Verdade que todas elas saem divinais, a carne realmente fica muito mais saborosa grelhada ao natural e temperada depois. Nota-se mais o sabor da carne quando se trinca, e ao mastigarmos os sabores dos temperos misturam-se com o sabor puro da carne... uma delícia.

Ora como isto dos temperos é à imaginação de cada um, partilho aqui um dos últimos que fiz.

 

- 3 dentes de alho esmagados com o esmagador

- azeite

- sumo de limão (metade da quantidade do azeite)

- tomilho

- 1 colher de café de gindungo

- sal grosso

 

Misturar os ingredientes, numa travessa de servir colocar um pouco do molho no fundo, conforme se vai tirando a carne do grelhador, coloca-se no tabuleiro, tempera-se com umas pedras de sal, e rega-se com um pouco do molho, deixando repousar um instante.

Delicioso!!!!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Risotto de alheira com feijão verde

por raio-de-luar, em 27.09.12
Há umas semanas encontrei numa superfície comercial, vulgo hipermercado, alheiras de caça em promoção. 0,99€/cada. Ora, como aqui a menina é apreciadora da bela alheira, tratei logo de trazer 6 com intuito de congelar e depois fazer.

Antes alheira para mim era grelhada. Sempre. Na chapa ou no forno. 

Mas comecei a explorar a potencialidade da alheira. Já fiz um empadão, que só de me lembrar, me babo toda. Há uns tempos fiz um risotto de farinheira, que estava bom sim senhora, mas a farinheira é assim mais enjoativa para mim. Na altura fiquei com ideia de fazer a versão risotto de alheira e foi por estes dias, que ao chegar a casa sem ter deixado nada a descongelar nem ter pensado em nada, surgiu esta ideia.

 

 


Ingredientes:

 

- 2 chávenas de risotto

- 2 alheiras de caça (estavam congeladas)

- 1 cebola

- 2 dentes de alho

- 1 malagueta piri-piri

- azeite

- 1 cubo de caldo de galinha

- 2 chávenas de feijão verde cortado em pedacinhos

- 1 tomate mais ou menos maduro (usei um que tinha no frigorífico para salada, mas já estava madurinho)

- 1 colher de sopa de vaqueiro

 

Comecei por num tacho levar as alheiras (fiz a receita a duplicar para ficar para o almoço de ambos no dia seguinte) e o feijão verde a cozer em água temperada com um cubo de caldo de galinha (também podia ser carne, eu preferi galinha).

Assim que levantar fervura, retirar do lume, escorrer as alheiras e o feijão verde, reservando o caldo. Tirar a pele às alheiras. Reservar.

Num tacho largo refogar ligeiramente a cebola picada com os dentes de alho, também picados, a malagueta e um pouco de azeite.

Juntar o risotto e deixar fritar um pouco. Ir regando aos poucos com o caldo reservado e mexendo regularmente. Juntar o tomate cortado em cubinhos. A meio da cozedura do risotto juntar as alheiras e o feijão verde. Deixar acabar de cozer, regando sempre com o caldo sem deixar secar. No fim, juntar a colher de vaqueiro e mexer o risotto até derreter.

Servir malandrinho.

 

Adorei. Já sou fã de risotto e de alheira. Juntar os dois foi uma agradável e saborosa surpresa.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Jardineira de frango com courgette

por raio-de-luar, em 20.09.12

 

 

 

 

 

Ingredientes :

 

- 1/2 Frango

- 1 Cebola picada

- 500g de ervilhas

- 3 cenouras

- 2 Courgettes cortada aos pedacinhos 

- 3 dentes de Alho

- 3 colheres de sopa de ketchup

- 1 cerveja

- Azeite q.b

- malagueta

 

Num tacho, colocar um fio de azeite e refogar a cebola, os dentes de alho e a malagueta, tudo picado.

Juntar o frango e deixar alourar. Juntar a cerveja e o ketchup.

Deixar cozinhar em lume brando com o tacho tapado.

Quando o frango estiver quase cozinhado, juntar as ervilhas, as courgettes e as cenouras.

Retificar temperos se necessário, deixar cozinhar cerca de 10 a 15 minutos.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Feijoada de chocos com legumes

por raio-de-luar, em 19.09.12

 

Ingredientes:

- cerca de 600 gr de choquinhos (ou tiras de choco)

- 2 dentes de alho picados

- 1 cebola picada

- 1 malagueta

- azeite

- 1 alho francês às rodelas

- 1/2 pimento vermelho em cubos

- cerca de 200 gr de abóbora em cubos

- feijão branco (costumo cozer e congelar com água da cozedura)

- salsa picada

 

Arranjar os choquinhos, limpá-los e secá-los bem.

Alourar a cebola, os dentes de alho, a malagueta em azeite. Juntar os choquinhos e deixar saltear um pouco até ficarem translúcidos.

Juntar os legumes (alho francês, pimento e abóbora). Tapar e deixar cozinhar em lume brando no próprio suco que vai formando.

Juntar, quando os choquinhos estiverem quase cozidos, o feijão branco juntamente com a água da sua cozedura (no caso de usar de frasco, o equivalente a dois frascos) e envolver. Por fim, polvilhar com salsa picada para aromatizar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Lulinhas com cerveja e mostarda

por raio-de-luar, em 17.09.12
 
Ingredientes:
- cebola picada 
- 3 dentes de alho
 - azeite
- 1 kg de lulinhas pequenas ( já limpas) 
- 1 colher de sobremesa de maizena 
- 1 colher de sobremesa de mostarda
- 1 colher de chá de açúcar amarelo
- 1 cerveja (usei das normais)
- sal 
- malagueta
- salsa picada
 
Alourar a cebola picada, os dentes de alho picados, a malagueta num fio de azeite. Juntar as lulinhas e deixar cozinhar um pouco até ficarem opacas. 
À parte dissolver a farinha, a mostarda e o açúcar na cerveja. Regar as lulinhas, temperar com sal e deixar cozinhar em lume brando tapado, cerca de 25 a 30 minutos.
Polvilhar generosamente com salsa picada antes de servir.
Acompanhei com arroz basmati com feijão verde.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Embrulho de salmão com cogumelos

por raio-de-luar, em 13.09.12
 

 

Por cá já tinha havido um embrulho de salmão com espinafres. Gostei tanto na altura que voltei a repetir a ideia, desta vez com cogumelos. Uma delícia...

 

 

Ingredientes:

- 2 lombos de salmão cortados em cubos

- cogumelos shitake (ou outros)

- azeite

- sal

- 1 colher de café de alho em pó

- pimenta moída na hora

- uma colher de sopa de sumo de limão

- 1 base de massa quebrada

 

 

Aquecer a wok com um fio de azeite. Colocar os cogumelos e deixar saltear. É normal perderem muita água, por isso deixar reduzir ou escorrer um pouco da água para acelarar o processo. Colocar os cubos de salmão e envolver. Temperar com o alho em pó, pimenta e umas pedras de sal. Regar com o sumo de limão e deixar cozinhar alguns minutos, até o salmão ficar opaco. Se tiver algum líquido, escorrer antes de colocar o preparado na base de massa quebrada. Cobrir o preparado de salmão com a massa, como se fosse um embrulho. Passar ovo batido por cima da massa e levar cerca de 15 minutos ao forno a 180º.

Servi com uma salada de alface e tomate.

 

Sugestão de uma refeição ligeira, simples e rápida. Óptima para levar na marmita no dia seguinte.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Frittata de bacalhau e nabiças

por raio-de-luar, em 05.09.12

 

 

Inspiração aqui

 

Ingredientes:
- 1 embalagem de bacalhau desfiado
- 1 molho de nabiças (à falta de espinafres, usei nabiças)
- 1 cebola
- 3 dente de alho
- 1 malagueta 
- 1 folha de louro
- 4 ovos
- leite qb
- Azeite qb
 
Aquecer o forno a 180º.
Cozer o bacalhau e escaldar as nabiças, escorrer e reservar.
Picar a cebola, os dentes de alho, a malagueta e levar a alourar em azeite e a folha de louro.
Quando começar a ficar transparente juntar o bacalhau e as nabiças e envolver. 
Deixar alourar por alguns minutos, retirando qualquer água que se forme e acrescentando azeite se necessário.
Entretanto bater os ovos com um pouco de leite e reservar.
Colocar o preparado de bacalhau num tabuleiro de ir ao forno e cubrir com os ovos batidos.
Levar ao forno até alourar.

 

Uma boa sugestão para uma refeição ligeira, para um almoço de marmita no emprego. Come-se melhor à temperatura ambiente do que quente a sair do forno... eu pelo menos gostei mais deste prato no dia seguinte quando levei a minha dose na marmita.

 

Nunca tinha experimentado frittata. Comecei bem, e já tenho mais ideias com diferentes combinações.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Risotto de salmão com feijão verde

por raio-de-luar, em 04.09.12

 

 

Mais um risotto que nasceu do total improviso... e que bem que saiu! 

 

Ingredientes:

- 2 lombos de salmão

- 1 casquinha de limão (ou uma rodela de lima/limão)

- feijão verde

- 1 chávena e meia de risotto

- 1 lata de tomate

- 1 cebola

- 2 dentes de alho

- sal

- azeite

- pimenta

 

Cozer em água temperada de sal os lombos de salmão juntamente com a casca/rodela de lima (ou limão).

Cortar o feijºao verde em pedaços não muito grandes.

Levar um tacho largo ao lume e refogar a cebola picada e os dentes de alho em azeite. Juntar o risotto e deixar alourar. Juntar a lata de tomate e envolver. Juntar o feijão verde e misturar. 

Mexer regularmente juntando a água de cozer o salmão. Quando o risotto estiver quase cozido, juntar o salmão em lascas. Envolver bem. Retificar de sal e temperar com um pouco de pimenta.

Servir bem malandrinho.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Empadão de alheira e nabiças

por raio-de-luar, em 03.09.12

Ingredientes:

- 2 alheiras

- 1 molho de nabiças (ou espinafres)

- 1 cebola

- 2 dentes de alho

- 1 fio de azeite

- batatas

- 1 ou 2 courgettes

- queijo ralado

- sal

- margarina

- leite

- 1 ovo

 

Aquecer o forno a 200º.

Para o puré: cozer as batatas juntamente com as courgettes em água temperada de sal. Quando estiverem cozidas, escorrer, juntar uma colher de sopa de margarina ou manteiga, o ovo e ir juntando leite conforme for reduzindo a puré com a ajda da batedeira, controlando a textura do puré a gosto. Reservar.

Escaldar as nabiças (ou os espinafres), escorrer e reservar.

Refogar a cebola picada e os dentes de alho picados num fio de azeite. Retirar a pele às alheiras, juntar o recheio ao refogado e deixar alourar, esmagando com a ajuda de um garfo. Juntar as nabiças (ou espinafres) e envolver tudo.

Num tabuleiro de ir ao forno espalhar uma camada de puré de batata, por cima colocar o preparado de alheira com nabiças (ou espinafres) e por cima uma última camada de puré de batata. Polvilhar com queijo ralado e levar a gratinar em forno quente.

 

Para quem gosta de alheiras, como eu adoro, este prato é um manjar dos deuses. 

 

NOTA: experimentei pela primeira vez reduzir a quantidade de batata para o puré e compensar com courgettes. O resultado foi ótimo. Um puré muito suave, fofo. Ideia a repetir sem dúvida.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim


Top blogs de receitas

Calendário

Setembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30



Livro de Receitas

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2012
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2011
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2010
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D